ISSN 0104-2386

N.99 - Janeiro/Fevereiro (January/February) de 2001

 

Novas Imagens de Josely Mendes

 

As publicações LA REVUE DES OISEAUX EXOTIQUES, da França, EXOTICS, da Espanha e o ATUALIDADES ORNITOLÓGICAS iniciam a apresentação simultânea de matérias concernentes às aves.

O início desta nova experiência é uma entrevista com o fotógrafo de natureza Josely Mendes; as perguntas foram elaboradas pelo Sr. Guy Barat (Oiseaux Exotics), Sra. Esther del Cerro (Exotics) e Pedro Salviano (AO).

Quem vê uma foto pode "viajar" nela, "atravessar" a página e se emocionar. Cada foto deve contar uma história daquele momento congelado no tempo. O instante captado pelo artista, o fotógrafo. Às vezes, somente aquele frame mostrado, escolhido entre tantos outros, até parecidos, é o que consegue evocar os sentimentos: é "aquela foto", aquele objetivo procurado pelo emocionado olho do fotógrafo.

A foto deve repassar essa emoção de um tão rápido instante, mas que conta tanto de si. Ela deve ter um belo designer, dizer sobre a vida, sobre a natureza. E cada fotógrafo deve ter seu estilo, sua escolha de objeto, sua luminosidade preferida, sua "personalidade".

Fotografando aves o Sr. Josely Mendes tem procurado mostrar esses momentos que encantam e que informam; momentos extraordinários, que envolvem sentimento e realidade. São detalhes que, embora pareçam pequenos, mostram a diferença entre se ver o objeto da foto e a sua colocação nela. Este instante deve encantar no conjunto, explorando-se as formas que o movimento cria.

Retratar aves belas, como, por ex. os traupídeos, requer, além da inata paciência de fotógrafo de natureza, outras habilidades. Estar face a face com aquele momento extraordinário da ave no seu hábitat natural para captá-lo e eternizá-lo numa mensagem que pode ensinar e entreter. Afinal, a imagem vale mais que tantas palavras.

O Sr. Josely Mendes nasceu em 21-07-1953 cidade de Marilândia do Sul, estado do Paraná. Seu acervo de fotos está constituído principalmente por espécies da Mata Atlântica. É filiado desde 1997 ao Foto Clube do Paraná, o mais antigo do Brasil. Além do lazer se realiza pessoalmente em ver as suas fotos sendo veiculadas. Ele prefere trocar as palavras pelo silêncio e observação das aves. Endereço: Rua João Fancz, 303. Portão. CEP 80330-370 Curitiba-PR Brasil. E-mail: jmjemb@netpar.com.br. Mais informações www.ao.com.br/josely.htm

Quando começou seu interesse pelas aves?

Desde criança sempre gostei da natureza. E ao me apaixonar pela arte fotográfica, o tema que mais me atraiu a atenção foi o das aves. Admiro imensamente tudo o que Deus criou e sendo assim, louvo a Deus através da sua criação.

Como consegue conciliar sua atividade de trabalho e seu hobby?

Sou empresário do ramo de indústria de plásticos. Nos finais de semana, feriados e férias, divido o meu tempo com minha esposa, meus três filhos e a Natureza; sempre tendo o apoio de minha família, que também "curte" este meu hobby, acompanhando-me nas incursões que faço na Mata Atlântica, no litoral do estado do Paraná e nas várias outras viagens que realizo a passeio. Aproveito todas as oportunidades, captando imagens que tenho muito prazer em compartilhar com os amantes da Natureza.

Poderia-nos contar algum fato pitoresco quando da sua atividade de fotógrafo?

Recentemente tive a oportunidade de fotografar dois pássaros diferentes (saíras) no instante que pousaram no mesmo galho. Na revelação da foto a surpresa: parece que apenas um pássaro estava no espelho.

Quando viaja busca uma espécie concreta ou se centra nas aves autóctones da sua região?

Viajo em busca de imagens bonitas da Natureza.

Que conselhos daria às pessoas que desejam se iniciar neste tipo de fotografia?

Vá em frente que vale a pena; depende de muita paciência e resignação em fazer este tipo de trabalho.

Desde quando pratica a fotografia de aves?

Desde 1997.

Existe alguma espécie que sinta predileção?

Todas são divinas.

Acredita que, de algum modo, mostrando suas fotografias pode contribuir para que as pessoas vejam a necessidade de preservar?

Espero que sim.

Colabora com alguma instituição de estudos em meio-ambiente ou relacionados com a fauna brasileira?

Não.

Pode participar de concursos fotográficos?

Sim.

Existe alguma espécie pela qual sinta especial predileção?

Todas.

Legenda das fotos, na seqüência: Tachyphonus coronatus - Tiê-preto (macho) ; (= fêmea); Dacnis cayana Saí-azul (fêmea); (=macho); Thraupis ornata - Sanhaço-rei; Euphonia violacea - Bonito-lindo (macho); (= fêmea); Josely Mendes; Tangara cyanocephala - Saíra militar; Brotogeris tirica - Periquito-rico e Thraupis cyanoptera - Sanhaço-de-encontro-azul.

 

AO - SERVIÇOS - LINKS
Você pode enviar perguntas ou comentários sobre este site para ATUALIDADES ORNITOLÓGICAS.
Send mail to ATUALIDADES ORNITOLÓGICAS with questions or comments about this web site.
Última modificação (
Last modified
): 09 março, 2014