endrigo.jpg (52034 bytes)Carpornis melanocephalus

A arte de fotografar as aves em seu ambiente natural é considerada como um grande desafio até mesmo para fotógrafos experientes. São animais que se movimentam muito rapidamente, muitas espécies habitam ambientes em que a luminosidade é deficiente ou ocupam estratos elevados da vegetação. É muito gratificante, então, poder acompanhar o progresso e a alta qualidade do trabalho deste paulistano de 31 anos. Edson Endrigo fotografa aves há cerca de dois anos, e iniciou esta atividade como um hobby, indo a campo quando as suas atividades de mineralogista permitiam. Inicialmente ele procurou percorrer os parques e áreas verdes de São Paulo, ganhando experiência, aprendendo sobre os hábitos das diversas espécies e registrando fotograficamente mais de 100 espécies na cidade de São Paulo. Com uma paciência singular e disposição para permanecer várias horas dentro de uma cabana, camuflado entre a vegetação, Edson vem nos surpreendendo freqüentemente com belíssimas fotos.

endrigo2.gif (38294 bytes)Thamnophilus doliatus

Quando, em meados de 1996, Edson veio ao nosso laboratório em busca de orientação, juntamente com o ornitólogo Herculano Alvarenga e o mastozoólogo Paulo Aurichio, trazendo consigo algumas fotos, percebemos imediatamente que se tratava de uma pessoa que encarava o seu hobby de maneira bastante séria. Optando por fotografar as aves sempre na natureza, por acreditar que as fotos realizadas em cabanas não as retratam naturalmente, Edson vem nos brindando com fotos das aves em momentos raros de seu comportamento, revelando-nos alguns aspectos pouco relatados na literatura. Como resultado de sua obstinação, ele tem conseguido rapidamente colher importantes frutos do seu trabalho, como a inclusão de algumas das suas fotos de corujas no próximo volume do Handbook of the Birds of the World. Agora ele vem aprimorando ainda mais a sua técnica, procurando retratar espécies de aves brasileiras raras, ameaçadas de extinção ou que simplesmente ainda não foram fotografadas. Juntamente com o ornitólogo Pedro Develey ele conseguiu uma rara foto do sabiá-pimenta, Carpornis melanocephalus, realizada na estação ecológica Juréia-Itatins, em São Paulo. Edson Endrigo tem colaborado nas minhas pesquisas realizadas no Parque Nacional da Serra da Canastra, documentando espécies que estão desaparecendo rapidamente dos nossos campos cerrados, como o caminheiro-grande, Anthus nattereri, o galito, Alectrurus tricolor, o pato-mergulhão, Mergus octosetaceus e o tapaculo-de-Brasíla, Scytalopus novacapitalis. Com muitos anos de uma promissora carreira pela frente, podemos ainda esperar muitas surpresas deste competente profissional que é um apaixonado pelas nossas aves.

Luís Fábio Silveira

 

The art of photographing the birds in its natural environment is considered as a great challenge even for experienced photographers. They are animal that are moved very quickly, a lot of species inhabit places where the brightness is faulty or occupyes elevated strata of the vegetation. It is very gratifying, then, to accompany the progress and the high quality of of the work of this 31 year-old photographer from São Paulo. Edson Endrigo photographs birds there are about two years, and it began this activity as a hobby, going to field when its mineralogist activities allowed. Initially he tried to travel the parks and green areas of São Paulo, winning experience, learning on the habits of the several species and registering in the photos more than 100 species in the city of São Paulo. With a singular patience and disposition to stay inside several hours of a hut, camouflaged among the vegetation, Edson comes frequently surprising us with beautiful photos.
When, in the middle of 1996, Edson came to our laboratory in search of orientation, together with the ornithologist Herculano Alvarenga and the mammalogist Paulo Aurichio, bringing gets some photos, we noticed immediately that was a person that faced its hobby in a quite serious way. Opting for always photographing the birds in the nature, for believing that the photos accomplished in huts don't portray them naturally, Edson comes offering us with photos of the birds in rare moments of its behavior, revealing us some aspects not very told in the literature. As a result of its obstinacy, he has been getting quickly to pick important fruits of its work, as the inclusion of some of its photos of owls in the next volume of Handbook of the Birds of the World. Now he still comes aprimorando more its technique, trying to portray species of rare Brazilian birds, threatened of extinction or that were not simply photographed still. Together with the ornitólogo Pedro Develey he got a rare photo of the Black-Headed Berryeater, Carpornis melanocephalus, accomplished in the ecological station Juréia-Itatins, in São Paulo. Edson Endrigo has been collaborating in my researches accomplished in the Serra da Canastra National Park, documenting species that are disappearing quickly of our fields, as the Ochre-Breasted Pipit, Anthus nattereri, the Cock-Tailed Tyrant, Alectrurus tricolor, the Brazilian Merganser,Mergus octosetaceus and the Brasilia Tapaculo, Scytalopus novacapitalis. With many years of a promising career for the front, we can still wait many this competent professional's that is a lover for our birds surprises.

Luís Fábio Silveira

endrigo1.gif (50647 bytes)  Edson Endrigo

Contato:

Address:

E-mail: avesfoto@avesfoto.com.br

www.avesefotoseditora.com.br

AO - SERVIÇOS - LINKS
Você pode enviar perguntas ou comentários sobre este site para ATUALIDADES ORNITOLÓGICAS.
Send mail to ATUALIDADES ORNITOLÓGICAS with questions or comments about this web site.
Última modificação (Last modified): janeiro 05, 2009