Maria-faceira Syrigma sibilatrix

CLÁUDIA LAMBERT

 

Há diversos tipos de talentos que se aplicam aos mais diversos campos da atividade Humana.

Nas artes plásticas, à uma sensibilidade nata, que a vida desenvolve, há que acrescer a técnica, fruto de estudos, prática e aperfeiçoamento contínuos.

Quando se trata de ilustrações, principalmente ilustrações de cunho científico, essa técnica tem que ser apurada ao ponto de reproduzir a realidade com uma clareza e exatidão tais que a obra permite observação de detalhes que, muitas vezes, a realidade oculta aos olhos do observador.

Cláudia Lambert, artista plástica e ilustradora científica nasceu em Guaxupé, Sul de Minas Gerais; sempre morou em Belo Horizonte onde desde muito cedo começou a desenhar e frequentar cursos de desenho e pintura no atelier do pintor Frederico Bracher Jr.

Mais tarde, graduou-se em Comunicação Visual pela Fundação Univesidade Mineira de Artes, hoje, Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG.

Em seguida, foi aluna do curso de ilustração científica, em Belo Horizonte, ministrado pela renomada artista suíça Adelheid Meyer, o que conferiu-lhe uma bolsa de estudos para aprimoramento de técnica na Kunstgewerbeschuler der Stadt em Zurich, Suíça, uma das mais conceituadas escolas de arte da Europa.

Fez Pós graduação em Arte e Educação pela UEMG e estudou Arte Contemporânea na Escola Guignard, em Belo Horizonte.

Cláudia Lambert participou de várias exposições como artista plástica e foi uma das 450 artistas convidadas pelo SESC Pompéia, São Paulo para a mostra “Uma Viagem de 450 anos”, em homenagem aos 450 anos da cidade de São Paulo, em 2004.

Sua experiência em ilustração é bastante diversa, abrangendo desde ilustração de livros e palestras e contribuindo para pesquisas nas áreas de oftalmologia, neuroanatomia, neurociência, psicologia, ortodontia; além de incursões bem sucedidas na ilustração infantil, design empresarial e, recentemente ilustração botânica.

Participou de projetos importantes como ilustração dos livros “Guia Ilustrado do Arboreto do Cerrado”, patrocinado pela Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração - CBMM , Araxá, 2009 e “Cores e Sabores na Cozinha Mineira", ao lado de vários ilustradores botânicos mineiros, em edição.

Cláudia sempre esteve ligada às causas ecológicas, valores que aprendeu a defender, desde pequena, com seu pai, um amante e defensor da natureza e principalmente das aves, o que a levou a escrever um livro infantil, já em sua segunda edição, de conteúdo ambientalista, com o objetivo de uma conscientização ecológica precoce das crianças.

Após participar da “Atualidades Ornitológicas”, edição no. 147, de janeiro e fevereiro de 2009, com as ilustrações do pintassilgo – Carduelis spinus e pica-pau-do-campo Colaptes campestris, Cláudia apaixonou-se pela ilustração ornitológica.

Desde então, emocionando-se com a delicadeza, fragilidade e admirável beleza das espécies de nossa avifauna, vem desenvolvendo estudos em aquarelas, dando ênfase para as espécies em extinção.

Mais informações:

http://claudialambert26.blogspot.com

.

AO - SERVIÇOS - LINKS
Você pode enviar perguntas ou comentários sobre este site para ATUALIDADES ORNITOLÓGICAS.
Send mail to ATUALIDADES ORNITOLÓGICAS with questions or comments about this web site.
Última modificação (Last modified): setembro 22, 2012